Arquivo da categoria: Design

Tora Brasil na Design Weekend 2014, em São Paulo

A fabricante de mobiliário de madeira maciça Tora Brasil confirmou sua presença na terceira edição da Design Weekend (DW!2014), que acontece em São Paulo de 14 a 17 de agosto. Como principal atração, a empresa do designer Cristiano Valle – que completa 10 anos de história – organiza o lançamento de uma coleção feita em parcerias com as artistas plásticas Isabelle Tuchband e Verena Matzen, além de Raphael Falci. O evento acontecerá no sábado 16 no showroom da marca.

Ateliê da Tora Brasil em São Paulo: mobiliário em madeira certificada da Amazônia
Ateliê da Tora Brasil em São Paulo: mobiliário em madeira certificada da Amazônia

Um dos destaques da linha 2014, a prateleira Jubá (foto acima) estará em exposição. Feita com madeira certificada da Amazônia (FSC-Brasil), ela é resultado do manejo sustentável da matéria-prima feito em fazendas da região. Neste processo, apenas 20m2 de madeira é retirado por hectare de terra. Posteriormente, esta mesma área fica protegida por 30 anos até que seja permitida nova extração.

www.torabrasil.com.br

www.designweekend.com.br

Crea Africa, joias e inclusão

Iniciativa das italianas Elisabetta Capolino, Annalisa Bernardi, Cristinia e Marina Botelli, a Crea Africa surgiu no Quênia em 2012 para promover a união do design com a inclusão social no continente. As quatro sócias usaram o expertise nas áreas de moda e alta joalheria como bússola para a criação de coleções de joias e acessórios fazendo uso da mão-de-obra local e assegurando a qualidade de forma ética. A matéria-prima também é extraída da região: pedras, madeira, sementes, vidro reciclado e até ossos de animais. Material que seria descartado, mas que nas mãos de mestres africanos do artesanato ganham nova vida.

A primeira coleção foi lançada neste primeiro semestre na Inglaterra. São sete peças manufaturadas por artesãos locais, treinados pelo designer especializado em outro Fabrizio Grillo. Colares, braceletes e brincos com desenho forte, todos feitos com o nobre metal dourado altamente polido. Anteriormente, a marca já havia produzido peças sob encomenda, em parceria com labels importantes como a Moschino.

Confira o vídeo e se emocione com o trabalho desta brava gente da África:

Creaafrica.com

Este slideshow necessita de JavaScript.

Sada Bike: ela fica do tamanho de um guarda-chuva. Duvida?

Gianluca Sada, dono e designer-chefe da empresa italiana Sada Bike, apresentou recentemente seu protótipo de bicicleta dobrável. Urbana e capaz de reduzir em um só movimento o seu volume e tamanho ao de um guarda-chuva, o modelo tem tudo para entrar em produção logo logo.

Dobrado, o quadro da Sada fica de tamanho similar a um guarda-chuva grande
Dobrado, o quadro da Sada fica de tamanho similar a um guarda-chuva grande

Quer dizer, isso se Gianluca conseguir captar recursos para tal. O projeto é inovador, porém requer mais desenvolvimento e o designer está atrás de parceiros para poder melhorar o protótipo. As rodas, aro 26, por exemplo, são o maior desafio do inventor. Afinal, a estrutura cabe em uma mochila comum, mas as rodas não. Pelo vídeo abaixo, no entanto, a questão poderá solucionada com uma mala de rodas cheia de estilo, como só os italianos sabem fazer.

www.sadabikes.it

 

Linha Organic: a natureza morta ganha vida com Mônica Cintra

De árvores caídas, descartadas pela própria natureza, nasce a obra e a arte da designer Mônica Cintra. Sua coleção de móveis Organic, recém-lançada no mercado, revela peças de decoração de efeito único. São mesas de jantar e de centro que valorizam vincos e marcas naturais em toras de Imbuia e Cedro Arana para conferir mais charme e exclusividade aos ambientes.

Um reaproveitamento de material nobre que não cobra a conta da natureza. E valoriza qualquer ambiente.

www.monicacintra.com.br

 

Joalheria do sul usa couro de peixe e vira hit

(postado em novembro de 2013)

A tilápia nem de longe é um peixe nobre, tampouco figura nas mesas dos restaurantes mais disputados do País. O que não quer dizer que ele não tenha o seu valor. A joalheria porto-alegrense D’VIE resolveu apostar no couro da tilápia para arrematar uma de suas coleções, a SerraMar. Após tratamento apropriado, que retira qualquer odor da pele e lhe confere mais durabilidade, o couro é trabalhado para ornar aneis, braceletes e colares. As peças, em ouro amarelo, diamantes brancos, diamantes brown e o ródio negro se unem a tilápia na cor nude e negra. O resultado: uma sofisticação exótica e muito bem-vinda.

www.dvie.com.br

Ocean Paradise 180, o iate clean e elegante da Benetti

(postado em novembro de 2013)

Não, não se trata apenas de mais um megaiate de luxo apresentado em Mônaco, no salão de barcos mais charmoso e importante do mundo, em setembro. O Ocean Paradise 180, de 55 metros, tem embarcado seis suítes, jet skis, piscina com cascata e outros quetais. Mas o que valeu o post foram as modificações feitas no casco de aço pelo estaleiro italiano Benetti, responsável pela construção do barco. Um revestimento especial ajuda o iate a deslizar melhor pelo mar, reduzindo em bom percentual o consumo de diesel. E, para completar, toda fumaça produzida pelos dois motores Caterpillar é capturada por um sistema que a armazena e transforma parte dela em energia para reuso do próprio barco. Confira o vídeo de apresentação:

www.benettiyatchs.it

BMW-i discute o carro elétrico nas smart cities

(postado em novembro de 2013)

Vem crescendo ano após ano o interesse de montadoras de ponta com o mercado de carros elétricos e/ou híbridos. Neste mês, a BMW, por intermédio de sua submarca BMW-i, apresentou o seu cupé ActiveE, 100% movido a eletricidade, no simpósio SAE Brasil, realizado em São Paulo. O evento discutiu a integração das cidades modernas e inteligentes aos veículos elétricos.

 “Os veículos híbridos e elétricos aos poucos passam a fazer parte da realidade do consumidor brasileiro. A indústria tem trabalhado constantemente para desenvolver novas tecnologias e ampliar a oferta de automóveis nesse segmento e o BMW Group acredita que o Brasil tem grande potencial para esses produtos”, comentou Carlos Cortes, gerente da BMW i no Brasil.

O modelo ActiveE serve como balão de ensaio para o lançamento da série i3, previsto para chegar às ruas em 2014. O i3 conceito foi apresentado em agosto, com direito a presença dos astros de Hollywood, Sienna Miller e James Franco.

www.bmwgroup.com

Siena Miller e James Franco com o BMW i3, em Londres
Siena Miller e James Franco com o BMW i3, em Londres

petit h: a Hermès reciclada

Há duas semanas, publiquei na Istoé Dinheiro uma reportagem sobre a petit h, a marca de reciclados da Hermès. Uma entrevista interessante com a herdeira da maison francesa, Pascale Mussard, que cresceu brincando com retalhos de couro e sobras de material no atelier da marca. De passatempo de menina a um negócio rentável e com direito a loja na Rue Sèvres passaram-se décadas. O resultado são itens de alta qualidade e muito charme. Confiram a edição online da matéria clicando aqui.

Pascale Mussard: herdeira da Hermès investe na sustentabilidade da marca
Pascale Mussard: herdeira da Hermès investe na sustentabilidade da marca

Um jardim (muito!) particular

A empresa Mr. Lentz – nome do designer que se auto-intitula um cowboy moderno – fabrica, entre tantas coisas bacanas e simples, estes aneis, colares e pulseiras que esbanjam estilo sustentável. As peças são feitas em madeira de nogueira, tingidas com azeite de oliva, cera de abelha ou extratos vegetais, e finalizadas com pequenas mudas de grama ou musgo verde. A planta é tratada e seca, com a cor e a forma preservadas. Ou seja, não precisa regar (rs.). Basta dar um up no verniz do anel. Não é um barato? Custam a partir de R$ 88 no site Etsy.com

mrlentz.com

 

 

 

Os sapatos do Ben Affleck

Não bastasse dirigir aquele baita filme, Argo, e faturar o Oscar 2013 de melhor filme, Ben Affleck acaba de lançar esta linha de sapatos e botas para a marca TOMS. Inspirada nas estampas africanas, com um ar meio desértico, a linha vem em três modelos sustentáveis, com solado de látex natural e preços que variam de US$ 60 a US$ 80. A cada compra, US$ 5 ficam para a instituição do ator, a Eastern Congo Initiative, a primeira em solo americano que trabalha para dar suporte legal e financeiro a famílias e jovens do Congo. E um par de calçados é enviado a uma criança em necessidade no país africano. “Eu acredito que se você faz algo assim, mesmo que pouco, você acaba melhorando a sua própria vida também”, disse Affleck. Para quem vai curtir o verão do lado de cima do equador, fica a dica…

 www.easterncongo.org

www.toms.com